O programa Mercado da Terra desta quarta-feira (22) apresentou duas ótimas oportunidades para investidores que procuram áreas prontas para o cultivo, principalmente de soja. A primeira delas fica na cidade de Canarana, no Mato Grosso e a outra fica em Cachoeira do Sul, no Rio Grande do Sul, confira os detalhes de cada uma:

 

Canarana (MT)

A fazenda Araçatuba possui 1770 hectares de solo fértil. E destes, 1150 são de campo aberto, com possibilidade para mais 250 ha a serem abertos em breve. Atualmente, 400 ha estão destinados para a produção de soja, que é destaque na região nordeste do estado do Mato Grosso.

Uma das vantagens da fazenda é a estrutura completa. A casa sede tem 650m² e está em ótimas condições; possui casa para funcionários; alojamentos com 6 apartamentos, além de toda estrutura pronta para a pecuária (com curral, mangueira e balança), o que torna a propriedade uma alternativa de dupla aptidão para o investidor.

Em relação à logística, a propriedade se destaca pela facilidade de acesso. São 47 km de distância da cidade, todos com asfalto pela BR-158. Além disso, o consultor da Nilo Imóveis, Aroldo Moura, diz que a Araçatuba “é considerada uma fazenda vitrine”:

– Como são 6 km de asfalto da BR-158 na frente da fazenda, se você colocar o gado de elite em um desses piquetes da entrada, quem passa na rodovia se encanta com o gado pastando ali – explica Moura.

 

Cachoeira do Sul (RS)

A propriedade com 552 hectares de extensão e está localizada a cerca de 55 km da cidade de Cachoeira do Sul, sendo que 45 km são de asfalto. A estrutura é voltada para a agricultura e, atualmente, está sendo cultivada a soja. A escolha se deve pela ótima condição do solo da região, um solo mais argiloso, perfeito para a produção de soja, milho e trigo.

Apesar disso, a pecuária não é deixada de lado na propriedade. Ela possui uma estrutura ótima para a lida com o gado: mangueira completa de boa qualidade, com carregador, guilhotina e balança.

Uma das vantagens de se produzir na região de Cachoeira do Sul é a regularidade na distribuição das chuvas. O consultor da Nilo Imóveis, Juliano Thomas, trata a questão da chuva como determinante. “Um índice pluviométrico de quase 1.600 mm por ano é muito propício para a produção”, acrescenta Thomas.

Gostou de alguma delas? Então entre em contato com nossos consultores, ou acesse o site da Nilo Imóveis e descubra as ótimas condições de pagamento e negociação dessas e outras terras à venda.