Que tal investir na compra de terras na região que mais cresce no Brasil? Estamos falando de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia – região responsável pela produção de 60% dos grãos do território baiano, e que possui uma pecuária de alta qualidade, tanto na genética quanto na tecnologia.

Com uma agricultura forte, logística privilegiada, suporte de aproximadamente 20 multinacionais, o município de Luís Eduardo Magalhães destaca-se pelo grande potencial de crescimento do agronegócio, atraindo grandes investidores e produtores de soja. E é neste contexto que a Nilo Imóveis apresenta, no programa Giro da Terra desta sexta-feira, uma grande oportunidade de investimento: uma fazenda de 1365 hectares a apenas 17 quilômetros do centro da cidade.

“Luis Eduardo Magalhães está localizada em uma das regiões produtoras de grãos mais importantes do Brasil. A safra de soja deste ano, por exemplo, está com uma média de 70 sacas por hectare. E esta propriedade que estamos ofertando possui grande capacidade de produção, além de ficar pertinho da BR-242, facilitando o escoamento da safra.” – ressalta Luís Henrique Pereira, consultor da Nilo Imóveis.

E para facilitar a negociação da área, Pereira acrescenta que a fazenda pode ser parcelada em até quatro vezes: entrada + 3.

Mas a Nilo Imóveis não para por aí: no terceiro bloco do programa Giro da Terra, o consultor Newton Cavalcanti traz uma propriedade à venda em Tacuru, região sudoeste no Mato Grosso do Sul. Com 628 hectares – 480 deles de pastagens formadas -, a fazenda oferece estrutura pronta para a lida com o gado e terra fértil para a agricultura.

Segundo Cavalcanti, “o município já foi considerado a capital do boi gordo”. A propriedade possui tradição na pecuária e a logística é um dos pontos fortes: “a área está localizada à beira de uma estrada estadual e a proximidade com o Paraguai agrega muito valor.” – finaliza.

Quer saber mais sobre o universo da comercialização de imóveis rurais? Não perca o programa Giro da Terra, todas as segundas, quartas e sextas-feiras, a partir das 8h, no Canal Rural!