Segundo a Emater, a safra de soja poderá ser recorde no Rio Grande do Sul em 2015. A colheita pode chegar a 14,2 milhões de toneladas. A soja é responsável pela maior parte da área plantada entre as culturas de verão no estado: são 5,1 milhões de hectares, de um total de cerca de 7 milhões. A área de cultivo cresceu com relação à safra passada, quando foram ocupados 4,9 milhões de hectares.

Segundo o agrônomo da Emater, Alencar Paulo Rugeri, a produção do grão está em um momento crucial. A colheita da soja inicia entre março e abril. Nos próximos 30 dias, as condições climáticas são determinantes para o resultado.

“Estamos há 20, 30 dias de uma boa safra de soja, e há possibilidade de termos uma das melhores safras. Temos ainda um recorde praticamente de área implantada com a cultura, então tem tudo para ser. O produtor plantou bastante, o tempo tem colaborado. Agora, temos que aguardar esse final. Se der uma estiagem ou qualquer outro fenômeno, perdeu agora, não recupera mais”, avaliou.

De acordo com o último boletim da Emater, as demais safras de verão também estão tendo um bom desenvolvimento, como arroz, feijão, milho e sorgo. A colheita do milho, por exemplo, também deverá ter boa produtividade. Apesar da redução na área plantada, que hoje é de cerca de 900 mil hectares, a produção deve ficar em torno de 4,8 milhões de toneladas em 2015.

Fonte: Gaúcha

Compartilhe esse post!